Please reload

Posts Recentes

Atestado Assinado!!!

February 24, 2017

Bom dia Pessoas!

 

Qual foi minha surpresa ao ver por um dos grupos de What's App que eu participo que a Copag havia alterado regras do jogo???

 

Descrente, entrei no site e pude observar que várias regras do jogo haviam sido alteradas para "melhorar" a jogabilidade do Battle Scenes!

 

Fiquei curioso com algumas que podem funcionar lindamente, mas muito triste com outras... Como meu bom amigo Jack já disse uma vez...Que tal irmos por partes? 

 

 

Compras, Descartes e Capacita ção.

 

Compras:

- Jogador que inicia o jogo agora não tem fase de compra em seu primeiro turno. Ou seja, ele colocará um card em seus recursos e seguirá o jogo com os cards de sua mão inicial!
Essa eu deixo em aberto porque só jogando algumas partidas veremos a real utilidade desta mudança e se isso realmente valerá de desvantagem para quem inicia.

 

- Jogador sem personagem na mesa /cena, compra 1 Card... Jogador com personagem na mesa compra 2 Cards.

Acho que essa ficou invertida!
Alguém já imaginou a dificuldade de voltar para o jogo caso seus personagens sejam abatidos?
Enquanto seu oponente compra dois cards de boa, fora todos os outros personagens com ações e textos fixos, você perde vários cards na contagem e ainda compra apenas 1 card na sua fase de compra.... Vamos ter que suar a tanga para voltar para o jogo!!!
Essa foi bola fora Copag!!!!

 

Descartes:
- Os jogadores podem descartar quantos cards quiserem em sua Fase de Preparação.

Interessante para o jogo, assim, o deck do oponente permanece um mistério até seu primeiro turno e , ao invés de perder cards no ajuste, agora o player pode baixar mais um personagem... Tai... Gostei!

 

Capacitação:
- Não haverá mais capacitação gratuita do turno! E por isso deram 1 card a mais na fase de compra de quem tem personagem!

Se a compra a mais foi bola fora (por estar invertida), a perda da capacitação gratuita foi um chute em sua área de lazer!!!

O Jogador sem personagens, além  de comprar um card a menos, ainda vai ter que sambar para capacitar seus personagens por ter menos cards nas mãos.

 

Mais esdruxula foi a explicação: "Muitas vezes, os players não sabiam se haviam usado ou não essa capacitação!"
Fala sério Copag!
Um grande player aqui da Baixada sempre me disse que "os players tem que estar atentos ao que acontece no jogo" e se eles não são capazes de lembrar, que se utilizem de marcadores ou caderninhos de nota, como os usados por alguns players no Royal para a ação do Motoqueiro Fantasma 2099.

 

Alteração na Regra de Alter-Ego:

Aqui vemos algo curioso, que vai funcionar incrivelmente nos jogos, mas atesta totalmente a culpa da Copag no planejamento(ou falta dele) do jogo!

- A regra do Alter-Ego não existe mais para os personagens controlados pelo oponente, só vale para seus próprios personagens.

Ou seja,  o Alto Evolucionário do oponente em Cena não impede a entrada do seu Alto Evolucionário. O que bloquearia a sua entrada seria apenas se você já controlasse um Alto Evolucionário.

 

Isso vai ser excelente para o Meta Game de hoje, mas horrível para o Battle Scenes como jogo em si.

 

Por que você me perguntaria? Eu respondo!!!

A Copag assinou um atestado de que suas 11 coleções, indo para a 12°, com mais de 1200 cards DIFERENTES, foram mal planejados e que hoje, existem poucos cards realmente diferenciais no Meta.

 

Ao invés de fortalecer de verdade afiliações (e personagens) esquecidas ou manter um padrão de força nas novas afiliações, a cada coleção, os cards vem mais fortes e extremamente desbalanceados em relação a coleção anterior. (Alô... Alô... Cavaleiro da Lua!!!)

 

Aqui em nossa região, no último torneio da Cecathi On-Line, tivemos 4 decks Inumanos e basicamente vencia quem descia a triade Medusa, Cristalys e Maximus primeiro, mesmo com a Invasão Secreta, ninguém previu tanto deck igual!
Com a regra nova, isso não aconteceria e venceria o melhor pilotagem do deck. Excelente ao divertimento e a jogabilidade!!!

Então é curioso como uma regra muito boa para a jogabilidade como essa, pode ser tão ruim no aspecto do jogo em geral!

 

E Copag, por favor, se antes existiam 50... 60.. cards de personagem e a regra era boa, hoje que existem uns 450 ela não pode ser ruim, o fato é que de 450 personagens, temos 4 ou 5 desbalanceados no momento e que se não vão para Cena /Mesa, fazem uma falta incrível!!!
 

E não se enganem, sou extremamente contra Bans no jogo e os mimimis em torno disso... Sou a favor da adaptação do player e do jogo... Mas o certo seria criar itens resposta... Como o Howard para as compras do Descobertas, Objetivos Iguais , Maximus e Tecnoassalto... Ou  ainda, adaptar textos de Cenários e Suportes para personagens... Ou Cenários Surpresas... Exemplos?


A Cassandra bloqueia um personagem? Por que não trazer um telepata (Professor X de preferência, pls?!?) ou um Deus (Loki V2 ou um Odin V2 que seja realmente um Odin), que anule texto fixo do personagem escolhido do adversário .
"No início do turno, antes da fase de compra, escolha um personagem controlado pelo oponente. Os textos fixos deste personagem não tem efeito!". Uma Câmara Neutralizadora que muda de alvo constantemente, uma Ultra Rara do jeito, que faça frente ao Meta de hoje, que não seja mais forte ou fraca, que seja igual.

 

Ou ainda, uma Mantis, uma Serpente da Lua, um Cosmos Super Raros, que são telepatas, Guardiões da Galaxia, que cortasse efeitos de busca no deck com um texto fixo, como por exemplo, do cenário Cidade Fantasma. Esses, apenas para citar o filme que está por vir... Nos X-Men, tem telepata de quilo!
 

Um Cenário vindo da mão ou uma Habilidade (Jóia do Infinito - Realidade / Mente?!?!) que bloqueasse busca no deck por cards... Várias opções seriam possíveis!!!


Pronto, evitaria banimentos como o que falaremos abaixo!
Cassandras, Altos, Mystérios, Estranhos V2 , Cavaleiros da Lua ou qualquer outro personagem,ou habilidade, que geram mimimi hoje em dia, seriam contidos de maneira saudável!  Se tornariam mais fracos e mesmo os personagens a cima, seriam mais fracos com a nova regra do Alter Ego, já que seu oponente poderia te-los em cena também.

 

Resumindo:

- Queda do Alter-Ego foi muito positivo para a jogabilidade e diversão durante a partida, mas realmente um desapontamento para a proposta original do jogo, já carente de personagens linha "A" da Marvel realmente jogáveis!

- Descarte livre, sem "mas", o melhor que aconteceu para acelerar o jogo.

- Regras de Compras seriam benéficas se fossem invertidas e auxiliassem o jogador a voltar para o jogo, pois ele já está sendo penalizado pela Contagem Regressiva. Do jeito que está... Vamos ver!

- Cancelamento da capacitação extra, por inoperância de players... uma pena.

 

Mas vamos lá... Vamos jogar e ver que bicho dá!!!

 

Banimento:

Adeus Tony Stark!!! O Tonynho, buscador de Homens-de-Ferro e Caças-Hulk, o controlador das Armaduras, que enchiam sua cena de Homens-de-Ferro, o reciclador de decks, foi pro saco!!!
Proibido nos Padrões Batalha Infinita e Batalha Sitiada.... Minha opinião? Desnecessário se fosse criado um mecanismo de resposta como exposto a cima, mas dentro de uma coerência dos banimentos feitos pela Copag ultimamente ("Ultrão" que o diga).

 

Quais são suas opiniões sobre as questões a cima?  Em breve, serão divulgadas outras opiniões aqui no blog da Cecathi On-Line de mais players, porque o grupo da Loja bombou hoje, será que eles concordarão comigo? E vocês? Concordam comigo?

 

Valeu Pessoas!!!

Please reload

Please reload